Prudens quid pluma niger secundum

02/06/13 a morte da bezerra pt04

Segunda feira, a diária a vencer e você acorda assustado com o telefone do quarto tocando, logo cedo igual havia solicitado na noite anterior. Hotel multi estrelas é outra categoria. Observa a cama desarrumada e a toalha molhada no chão, a copeira que se vire, eu vim andar de moto. O colega do café da manhã lhe passara um telefone de um camarada que poderia te receber e mostrar a cidade: “Quem? Olha, hoje é segunda, estou ocupado, fica difícil ajudar gente desconhecida. O Zé não me disse nada sobre você vir aqui.”
– É sério isso Fantini? Fantini? Uai, arrumando o apto?
Tudo bem, diárias grátis são uma coisa, agradecer a hospitalidade é outra, ainda mais quando se está entre amigos. Nem o Batman pediu, já estava com o aspirador em punhos dando uma geral no apto de Caldas Novas GO.
– Não entendi, quando você vem aqui em casa em Sampa, tudo bem que não faz bagunça, mas nunca passou aspirador.
– Helton, você é aspirante. Sossega.
Após deixar tudo do jeito que encontramos, juntamos as tralhas, se bem que só precisei juntar a única sacola que está me acompanhando desde quinta passada para rumarmos para Goiânia GO, afinal ainda devia um abraço nos demais integrantes da família Carvalho: Fantasma, esposa e filhos.
Havia um caminho subindo direto a GO352, mas o Batman chamou a atenção que o caminho pela GO153 seria mais adequado. E assim pegamos a GO213 ao invés da GO139 e logo já estaríamos na estrada principal rumo a Goiânia GO que alcançamos antes do almoço.
– Pena hein, Fantini. Segunda, o pessoal trabalhando, nem puderam te receber igual o outro camarada.
Muito pelo contrário, não só fizeram questão de me receber e que recepção, digna de um rei, que até fiquei lisonjeado. Se você ainda não entendeu, vamos repetir, motociclismo é isso, pegar estradas por aí e encontrar amigos, nada mais.
E assim, não satisfeito em preocupar com a morte da bezerra sozinho, arrastei toda a família Carvalho para essa terrível preocupação.
– Você ainda não percebeu o real valor deste fatídico evento, a bezerra morta, o sustento de uma família da roça.
– Helton, você é aspirante. Sossega.
No dia seguinte tive a oportunidade de conhecer as instalações da FFTuning, negócio do Batman e Fantasma, especializado em peças de decoração para veículos como aerofólios, saias laterais e demais itens para alegria de qualquer fã de carro tunado.
Na verdade tudo isso, a viagem a Três Ranchos GO, ficar ciceroneando o Batman, participar da recepção e em seguida pagar um almoço para os dois irmãos, era somente pano de fundo para meu real e infalível intento.
– Viu, gostei da carretinha, quanto quer nela?
– Fantini, não está a venda.
– Cai alho!!!

visita infrutífera

visita infrutífera

A visita a Goiânia GO fora infrutífera. Como assim não está a venda, como assim?!? Ao me mostrarem o Todinho, o cachorrinho que guarda a empresa, me convenci de que não estavam de brincadeira.

filhote de belzebu disfarçado de cachorro

filhote de belzebu disfarçado de cachorro

Ainda tomei um pouco do tempo do Batman para fecharmos a conta e fazermos uma resenha da aventura. Resolvemos que tudo poderia ser resumido na seguinte frase: “Ah, não, não! Pára! É mentira. É mentira!”. Trincamos.
Na quarta de madrugada ainda fez questão de acordar para se despedir. Pessoas assim, ele, o irmão e toda a família Carvalho, só encontramos procurando estrada afora, acho difícil encontrar no café da manhã de sábado.

– Olha a desfaçatez da criatura. Aristóteles foi claro em seu livro Ética à Nicômaco: “Depende de nós praticarmos atos nobres ou vis; e se é isso que se entende por ser bom ou mal, então depende de nós sermos virtuosos ou viciosos.”.  A virtude aristotélica consiste no esmero esforço do equilíbrio entre os vícios da falta e do excesso. Em posição de destaque se encontra a amizade, como virtude necessária no compartilhamento da felicidade.

– Maia, você é novato. Sossega!
Aí você que está me acompanhando nessa vida ingrata questiona:
– Hora de voltar para Vitória ES, Fantini?
– Vou nada. Vou para São Paulo SP.
– São Paulo?!?
– Ainda há muito com o que me preocupar.

6 Respostas

  1. Elisangela

    Vc é um querido!! E como vc diz ‘trinquei’ com a história. Seja bem vindo sempre! Abç

    27 de junho de 2013 às 22:12

  2. Reafirmo, iron butt hahaha (300km é gorjeta!)

    Abraz,
    Zuper

    28 de junho de 2013 às 13:30

  3. O cara arruma más companhias e fica pretensioso, citando filósofa gregos inclusive!

    Esse Maia deve ser daqueles que nem bebem álcool

    16 de julho de 2013 às 21:45

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s